Publicado por: astromundoacs | novembro 12, 2013

Plutão: O Misterioso Regente de Escorpião

Plutão: O Misterioso Regente de Escorpião

PLUTÃO

Cada signo associa-se com uma imagem, um arquéti­po, um estado de ser. O sig­no de Escorpião está vincu­lado às trevas, à noite, ao inconsciente e ao mistério. Por isso, aqueles que expressam Plutão, em seus mapas, de uma maneira forte – os plutônicos ou plutonianos – podem chegar à verdade com o auxílio da intuição pura, principal­mente após a lógica mostrar-se insuficiente para tanto.

Plutão foi des­coberto num momento de pro­funda transformação: entre as duas Grandes Guerras, transitando pelo signo de Câncer. A po­luição se acelerou, a estru­tura familiar sofreu uma dissociação. A Guerra de 1914-1918, iniciou um novo ciclo.  A grande onda de emanci­pação na África, marca o fim dos impérios coloniais.  Ao passar  em  Leão, surge a  energia nuclear, depois a Bomba de Hiroxima (1945) que terminou com a Se­gunda Grande Guerra, marcos importantes para a abertura de um novo tem­po.

Plutão é muito seme­lhante a bomba atômica: traz a se­mente da destruição e da regeneração simultaneamente. Tal a bomba, a vinda de Plutão foi percebida pela Humanidade, como al­go diferente que chegava, desconhecido, totalmente novo, sem registro nos livros, que causava medo, para muitos, e era saudado por outros, como um Novo Tempo. Porém, luta e sacrifício serão os meios para que o espírito do ideal se impo­nha e para que a Humani­dade possa atingir seus ob­jetivos mais altos e mais puros. Este planeta é a fronteira entre dois eventos: o declí­nio do velho e o surgir de um novo tempo. Aquele que incentiva as mudanças no mundo, porém, sua influên­cia nunca é sentida de uma maneira leve e sim brutal e forçada. Entre esses marcos, no decorrer do  séc.XX, estão Freud e a Psicanálise. E o período entre julho de 1984 e novembro de 1995, quando nasceram uma geração com muitos tipos plutônicos ou plutonianos que está detonando profundas modificações no planeta. E, uma significativa curiosidade astronômica: em 2006, Plutão foi classificado, pela Astronomia, como um planeta anão, devido ao seu pequeno tamanho. Ou seja, pequeno, mas poderoso…

                                                                                                                                            Antonio Carlos  Scavone

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: